Homem e o Meio Ambiente

O homem intervém na cadeia alimentar de forma a provocar a extinção de plantas e animais  através de caça furtiva e a degradação ambiental, tornando o  Ecossistemas pobres a fim de facilitar as atividades humanas, com a introdução de monoculturas, muitas espécies de plantas e animais são removida, e o equilíbrio fica frágil.

As Pragas são uma das manifestações desse desequilíbrio. O conceito da cadeia alimentar representa o fluxo ea troca de energia dos ecossistemas: são plantas de energia solar e alimentam-se do solo inorgânico são alimento para os herbívoros, e são menu dos predadores. Bactérias e fungos decompõem o corpo quando eles morrem, alimentar ao fundo a fertilidade natural do solo, e assim,  uma reinicialização para novos ciclos.

Com o combate desenfreado de insetos, pesticidas excluem outras espécies que são afetadas pelo veneno. Na ausência de inimigos naturais, outros insetos tornam-se uma nova praga, fazendo com que o processo de destruição ainda maior com pesticidas mais poderosos.

Descarga de efluentes industriais contendo metais pesados e substâncias cancerígenas, interferindo diretamente na cadeia alimentar, o que contribui para a degradação ambiental.

Robson Branco